Descrição: A Aglomeração Urbana do Sul é formada pelos municípios de Arroio do Padre, Capão do Leão, Pelotas, Rio Grande e São José do Norte. Alguns destes municípios possuem forte tradição industrial e de serviços, como é o caso de Pelotas e Rio Grande, os demais possuem alguma similaridade na sua função ou apenas compartilham da proximidade espacial dos dois centros maiores (Pelotas e Rio Grande). Sabe-se que na segunda metade da década de 2000 o município do Rio Grande recebeu investimentos privados e da União para a implantação de um Polo Naval, que trouxe nova dinâmica espacial através dos impactos econômicos, sociais e imobiliários para a população citadina. Além do Rio Grande no ano de 2013 foram iniciadas obras para a instalação de um estaleiro no município vizinho, São José do Norte, que usufrui do mesmo canal de entrada que liga o Oceano Atlântico à Laguna dos Patos. Empreendimentos desta magnitude não trazem somente impactos locais, mas influenciam também os municípios vizinhos que contribuem com o setor naval, empresas e mão de obra, ou que simplesmente sofrem os reflexos desse processo. Neste contexto, o objetivo deste projeto é identificar estes impactos em termos comparativos em relação aos mercados imobiliários citadinos na AUSUL, acréscimo populacional e reflexos socioeconômicos que modificam a espacialidade e a dinâmica intra-urbana nas duas últimas décadas nestes municípios. Entre os anos de 2013 a 2015 tais impactos foram analisados na cidade do Rio Grande, pretende-se a partir de agora verificar as transformações nos demais municípios da AUSUL, começando por São José do Norte..


Período: 2015 - Atual
Integrantes: Solismar Fraga Martins - Coordenador / Bianca Reis Ramos - Integrante / Maristel Coelho San Martin - Integrante.